Hormônios

 


 

Os hormônios bioidênticos são substâncias que possuem a estrutura molecular tridimensional EXATAMENTE IGUAL à dos hormônios humanos.

Por esta razão, ocupam os receptores de hormônios das células com a mesma perfeição e exatidão do hormônio humano e, ao serem repostos e absorvidos pelo organismo, são prontamente reconhecidos pelas células como sendo substâncias exatamente iguais ao hormônio original, provocando o que chamamos de “resposta terapêutica fisiológica”, não só isenta de riscos de câncer, como, na verdade, capaz de reduzir de forma substancial os riscos de alguns tipos de câncer como os de colon retal, do útero e o de mama, dentre outros.

 

Reposição Hormonal Bioidêntica

 

Hormônios são substâncias químicas que transferem informações e instruções entre as células do nosso organismo regulando o nosso metabolismo e envelhecimento.

 

Os hormônios bioidênticos são hormônios que têm exatamente a mesma estrutura química e molecular encontrada nos hormônios produzidos pelo nosso organismo, independentemente da fonte da qual se origina.

 

Existem vários tipos de hormônios bioidênticos que podem ser utilizados dependendo da necessidade individual de cada organismo. 

 

Temos um laboratório próprio para a manipulação de Hormônios, preparado fisicamente para a proteção do manipulador e do medicamento produzido.

 

Nossa maior produção tem sido a Progesterona na forma de creme transdérmico pela constatação de seus inúmeros benefícios e sua melhor biodisponibilidade.

 

 

Benefícios da Progesterona Natural:

1. A progesterona é o primeiro precursor na biossíntese de corticosteróides supra-renais. Sem uma quantidade adequada de progesterona, a síntese de cortisonas fica prejudicada e o organismo então volta-se para caminhos alternativos, que produzem efeitos colaterais masculinizantes, como longos pelos faciais e diminuição de cabelo. Mais produção prejudicada de corticóides resulta numa diminuição na capacidade de controlar o stress, como o de cirurgias, de traumas, ou emocional.

 

2. Muitas mulheres em perimenopausa ou pós-menopausa e com quadros clínicos de hipotireoidismo (como fadiga, falta de energia, intolerância ao frio) estão na realidade sofrendo de predominância estrogênica não reconhecida, e serão beneficiadas pela suplementação de progesterona.

 

3. O estrogênio (e a maioria das progestinas sintéticas) aumenta o sódio e o acúmulo de água intracelular. O efeito disso é a hipertensão. A progesterona bioidêntica tem ação diurética e evita o acúmulo de sódio e água nas células, evitando assim a hipertensão.

 

4. Enquanto o estrogênio prejudica o controle homeostático dos níveis de glicose, a progesterona natural os estabiliza. Portanto, a progesterona base pode ser benéfica tanto para os portadores de diabetes quanto para os portadores de hipoglicemia reativa. O estrogênio deve ser contra-indicado em pacientes com diabetes.

 

5. O afinamento e o enrugamento da pele são um sinal da falta de hidratação. Isso é comum em mulheres na perimenopausa e na menopausa, sendo um indicativo certo de diminuição de hormônios. A progesterona base transdérmica é um hidratante da pele.

 

6. A progesterona desempenha importante papel ao manter saudáveis as células do cérebro. Doenças como a senilidade prematura (Mal de Alzheimer) podem ser, pelo menos em parte, outro exemplo de enfermidade decorrente da deficiência de progesterona.

 

7. A progesterona é essencial para um desenvolvimento saudável da bainha de mielina, que protege a célula nervosa. Um baixo nível de progesterona leva a dores recorrentes.

 

8. A progesterona cria e promove um acentuado senso de bem-estar emocional e de auto-suficiência psicológica.

 

9. A progesterona é responsável pelo aumento na libido.

 

(Fonte: Dr. John R. Lee, Retardando o Processo de Envelhecimento com Progesterona - BLL Publishing, CA, EUA, 1994, p. 14)

 

Segundo o Dr. John Lee, porém, um bom creme não deve conter substâncias consideradas prejudiciais à saúde (propileno glicol ou parabenos), deve ser do tipo mais simples possível (não precisa "acessórios" como aloe vera, vitamina E, etc), e não deve conter óleo mineral (petrolato), pois ele prejudica a absorção da progesterona. Além disso, o usuário deve certificar-se de que o princípio ativo é mesmo progesterona bioidêntica (C21H30O2) micronizada, padrão USP.     

 

Molécula de Progesterona (C21H30O2)

 

Molécula de Progesterona Natural